Massas

Esparguete de curgete spirilizada com salmão


Esta foi a minha primeira experiência com o Spirilizador. E não é que fiquei fã? A curgete spirilizada pode ser prato principal ou acompanhamento. É à vontade do freguês. 😀 O meu spirilizador é manual, tenho mesmo que dar ao bracinho. Mas existem imensos modelos, até maiores e mais elaborados. Eu por aqui preferi um que ocupasse pouco espaço, ou quase nenhum, e não custa nada utilizar.

Ingredientes (2 pessoas)

  • 2 curgetes finas e maduras, biológicas (para caberem no spirilizador, no caso do meu esta característica é importante. Noutros modelos pode não interessar o tamanho das curgetes)
  • Spirilizador
  • Azeite qb
  • Alhos qb
  • Vinho branco qb
  • Sal grosso qb
  • 2 colheres de sopa de molho de soja
  • 2 lombos de salmão
  • Sumo de 1 limão
  • Tomilho e/ou Ervas de Provence

Numa travessa pequena ou pirex coloque os lombos de salmão regando com azeite, vinho branco e metade do sumo de limão. Acrescente sal a gosto e as ervas por cima. Ponha película aderente a fechar totalmente a travessa ou pirex e pique com uma faca de forma a fazer furinhos. Depois leve ao forno até que estejam cozinhados a vapor.

Enquanto espera pelo salmão, lave bem as curgetes e com o spirilizador corte cada uma delas às tiras, tamanho de esparguete (mantenha a casca). Reserve. Num tacho faça um refogado com bastante azeite e alguns dentes de alho picados. Acrescente a curgete spirilizada e envolva em lume brando. Adicione um pouco de vinho branco, a metade restante do sumo de limão e o molho de soja. Continue a envolver até sentir que a curgete já cozinhou um pouco.

Quando o salmão estiver cozinhado retire do forno, com um garfo corte em pequenos pedaços e misture tudo com a curgete spirilizada. Envolva bem e se necessário tempere de novo a gosto.

E está pronto a servir!

Dica: O esparguete spirilizado também pode servir apenas de acompanhamento, se preferir.

 

Massada de salmão com limão e mostarda

20131226-151811.jpgIngredientes (3/4 pessoas)

– 4 lombos de salmão (usei congelados)
– sumo de 1 limão
– 2 colheres de sobremesa rasas de mostarda Dijon
– meia cebola picadinha
– 2 dentes de alho
– azeite qb
– vinho branco qb
– ervas de Provence
– massa macarronete riscado

Deixar descongelar os lombos de salmão. Num tacho fazer um refogado com a cebola e o alho picados. Acrescente os lombos e loure de ambos os lados. Acrescente vinho branco a gosto, deixe uns segundos ao lume. Tempere com sal, ervas de provence, o sumo de limão e a mostarda. Com um garfo corte os lombos em pedaços grandes.

Junte água até 1 ou 2 dedos acima da altura do salmão. Deixe levantar fervura. Junte a massa. Eu pus a olho e não pesei uma quantidade certa. Baixe o lume e deixe a massa cozer. Vá mexendo de vez em quando.

Reveja os temperos. Sirva imediatamente assim que estiver pronto.

Massa salteada com alho, bacon, amendoa e manjericão fresco

E para festejar o Dia Mundial das Massas, como não podia deixar de ser, o jantar foi massa. Já devem ter reparado também que é um dos pratos que mais faço, eu adoro massa, de qualquer forma ou feitio. Não tenho por hábito abusar dos molhos com natas e bechamel (embora adoooooore), por isso abuso mais do limão, vinho branco, tomate e sempre alguns frutos secos a acompanhar.

Ingredientes
(para 2 pessoas)

– Macarronete riscado (quase meio pacote)
– 4 alhos grandes
– 100gr de tiras de bacon
– sumo de meio limão
– Azeite qb
– Meia cebola
– Amendoas laminadas
– Folhas de manjericão fresco
– Queijo Parmesão

Num tacho ponha água a ferver com sal. Quando estiver a ferver junte o macarronete e deixe cozer cerca de 7 minutos. Verifique se ficou al dente e retire imediatamente da água. Reserve no tacho com um fio de azeite até que o restante esteja pronto a juntar.

Pique bem a cebola e lamine os alhos. Numa frigideira cubra o fundo com azeite, deite a cebola, os alhos, o bacon e as amendoas e deixe saltear até que o bacon esteja bem cozinhado.

Antes de tirar do lume junte o sumo de limão, mexa durante uns segundos.

Junte este preparado com o macarronete, retifique os temperos acrescentando mais limão ou azeite a gosto. Misture umas folhas de manjericão fresco e raspas de queijo parmesão.

Está pronto a servir!

Massa com molho de alho francês, tomate e lima

Ingredientes
(para 1 pessoa)

– Massa (dose para 1 pessoa. Usei torcidinhos, mas pode ser qualquer uma)
– 1 alho francês pequeno (apenas a parte branca)
– 1 tomate chucha
– 2 alhos
– Meia cebola
– 100 ml de natas (meio pacote)
– Sumo de meia lima
– 1 chávena de café de vinho branco
– Sal grosso
– Manjericão qb
– Azeite
– Gengibre fresco (o equivalente ao tamanho de uma unha, muito picadinho)
– Queijo parmesão

Primeiro, gosto de preparar todos os ingredientes possíveis.

Pique a cebola. Lamine o alho. Corte o alho francês às rodelas fininhas. Corte o tomate em pedaços pequenos. Pique o gengibre fresco.

Num tacho ponha água a ferver com sal. Quando estiver a ferver junte a massa e deixe cozinhar 7 minutos.

Num outro tacho junte a cebola, o alho, o gengibre e um pouco de azeite e deixe alourar.

Junte o alho francês, o tomate, o vinho branco. Tempere com sal e bastante manjericão. Tape o tacho e deixe estufar em lume brando.

Vá acompanhando e quando estiver quase cozinhado junte as natas e o sumo de lima. Retifique os temperos se achar necessário. Deixe as natas em lume brando cerca de 1 min ou 1,5 min apenas.

Entretanto a massa já deve ter cozido. Retire-lhe imediatamente a água e deite um pouco de azeite por cima.

Deite a massa num prato e o preparado com o alho francês e tomate por cima. Junte umas lascas de queijo parmesão e sirva de imediato.

 

 

Tagliatelle com cogumelos, espargos verdes e pinhão

Ingredientes
(para 2 pessoas)

– 1 embalagem de espargos verdes
– Tagliatelle
– 200 gr de cogumelos brancos
– Meio limão
– Meia cebola
– 3 dentes de alho
– Pinhões
– Azeite
– Sal qb
– Manjericão fresco

Pique a cebola. Lamine os alhos e os cogumelos todos.

Num tacho à parte ferva água e ponha o tagliatelle a cozer durante 10 minutos (Quando terminar retire imediatamente da água e deite um pouco de azeite, misturando bem. Reserve.).

Numa frigideira grande deite algum azeite (mais do que o normalmente utilizado uma vez que vai cozinhar os cogumelos), junte a cebola e os alhos e deixe alourar.

Junte os cogumelos, sal a gosto e deixe cozinhar. Junte um pouco de água para que o refogado não queime.

Quando os cogumelos estiverem quase cozinhados adicione os espargos cortados em pedaços pequenos, o sumo do meio limão e os pinhões. Mexa bem, deixe mais 1 ou 2 minutos no lume e retire.

Junte este preparado ao tagliatelle que já deve estar totamente cozido e misture bem.  Coloque algumas folhas de manjericão fresco por cima, já em cada um dos pratos, quando servir.