bróculos

Salmão no forno com mostarda Dijon, amendoa e bróculos

Ingredientes
(para 2/3 pessoas)

– 3 lombos grandes de salmão (eu usei congelado)
– 1 cebola média
– 2 dentes de alho
– Amendoa laminada
– Bróculos (usei congelados)
– Tomate cherry
– Sal aromatizado
– Tomilho
– Azeite
– Vinho branco
– Sumo de meio limão
– 1/4 de um caldo Knorr de Pimentão, alho e louro

Corte a cebola em meias luas, lamine os alhos e espalhe no fundo de uma travessa. Coloque os lombos de salmão por cima.

Ligue o forno a 175º.

Na travessa, à volta dos lombos ponha bróculos e alguns tomates cherry cortados ao meio.

Barre a parte de cima dos lombos com a mostarda Dijon.

Regue os lombos com o azeite, o vinho branco e o sumo de limão. Deite sal a gosto e bastante tomilho. Desfaça o quarto de caldo knorr à volta dos lombos.

Espalhe por cima de tudo as amendoas laminadas (quantidade a gosto).

Leve ao forno cerca de 1h, mas vá regando algumas vezes para que não fique seco. Durante este processo, acrescente um pouco de água ao molho sempre que achar necessário.


Anúncios

Massa de improviso: Lacinhos com bróculos, perú e amendoa salteados

Todas as quantidades foram a olho. Dá para 2/3 pessoas. Foi um verdadeiro improviso para o jantar.

Ingredientes

– Massa lacinhos (a olho, utilizei 1/3 de um pacote que foi aberto no momento)
– 1 bife de perú grande
– Bróculos congelados
– Amendoa laminada
– 2 dentes de alho
– Azeite qb
– Vinho branco, apenas um pouco
– Sal aromatizado qb
– Salsa
– Alho em pó

Coza a massa e reserve.

Coza os bróculos em água ou ao vapor (eu tenho um recipiente que vai ao microondas e coze os legumes ao vapor, é o que costumo utilizar). Reserve.

Tempere o bife de perú com sal aromatizado, alho em pó e salsa. Ponha a grelhar numa chapa e quando termar, reserve.

Utilizando o mesmo tacho onde cozeu a massa, deite o alho cortado às fatias com algum azeite e refogue um pouco. Junte os bróculos, as amendoas laminadas e um pouco de vinho branco. Vá mexendo bem e junte mais azeite, se achar necessário.

Corte o bife de perú em quadrados pequenos e junte no tacho. Salteie tudo uns minutos e no final junte a massa já cozida. Envolva tudo e sirva em seguida.

Tagliatelle com bacalhau, bróculos e tomate

Hoje foi dia de aproveitar os restos que havia no frigorífico. Um resto de bacalhau desfiado, um resto de bróculos cozidos ao vapor e o fim de uma embalagem de tagliatelle resultaram nisto…! E não é que estava muito bom?!

Ingredientes

(para 2 pessoas)

– 1 posta alta de bacalhau demolhado e desfiado
– 1 mão cheia de bróculos já cozidos ao vapor
– Tagliatelle de ovo
– 3 dentes de alho
– Meia cebola
– Salsa picada
– Polpa de tomate

Cortar os alhos e a cebola, colocar numa frigideira e refogar uns minutos. Num tacho à parte colocar água ao lume com sal até ferver.

Juntar o bacalhau, os bróculos e a salsa na frigideira. Misturar em e refogar um pouco.

Após a água ferver, deitar a massa e cozer 7 minutos.

Na frigdeira, deitar a polpa de tomate (quantidade a gosto), misturar bem e deixar em lume brando, envolvendo de vez em quando.

Quando a massa estiver pronta, coloque num recipiente e deite o bacalhau, misturando bem. Deite alguma salsa por cima e sirva.

Lasanha de Bacalhau e Bróculos

Ingredientes

(Para 2 pessoas)

– 3 postas de bacalhau já demolhado
– Bróculos
– 3 dentes de alho
– 1 cebola pequena
– 2 pacotes de natas (eu usei natas de soja, mas é ao gosto de cada um)
– 6 placas de lasanha (já prontas a ir ao forno)
– Noz moscada
– Sal refinado
– Queijo para gratinar

Cozer o bacalhau e depois desfiar. Cozer os bróculos e depois cortá-los em pedaços pequeninos.

Num tacho colocar o alho picado e a cebola já cortada em rodelas pequenas, por um pouco de azeite e refogar. Em seguida, introduzir o bacalhau desfiado e ir mexendo. Deitar os bróculos e deixar refogar mais um pouco, mexendo sempre para não queimar. Apagar o lume e reservar.

À parte, deitar as natas num recipiente, deitar um pouco de noz moscada e sal e ainda um bocado de queijo para gratinar. Mexer bem e reservar.

Acender o forno a 175º.

Numa travessa deitar um pouco de natas no fundo e colocar 2 placas de lasanha lado a lado. Por cima das placas espalhar cerca de metade do preparado com o bacalhau e deitar igualmente um pouco de natas em cima. Colocar em seguida, mais 2 placas por cima. Colocar o restante bacalhau bem espalhado por cima das placas, voltar a deitar natas por cima e terminar com mais 2 placas de lasanha. Deitar o que resta das natas por cima e espalhar queijo para gratinar.

Antes de levar ao forno, tape a travessa com papel de aluminio e leve ao forno desta forma durante cerca de 20 min. Com este tempo pretende-se cozer melhor as placas de lasanha sem queimar o prato. Em seguida retire o papel e deixe mais 30 minutos até que fique com uma cor ao seu agrado.

Sirva com uma salada de rúcula temperada com vinagre balsâmico, sementes de césamo e sementes de girassol. 🙂